Últimas Nóticias

Espartilho

Quando criado, o espartilho não priorizava a redução da cintura e sim a correção da postura e era visto como sinônimo de refinamento e melhor sustentação da mama feminina.

Feito de materiais duros e pesados ​​como couro, junco e corda, ele também vem com um bunk de madeira opcional.

Em muitas obras da arte renascentista, o espartilho apareceu na moda feminina, enquanto o foco da beleza estava cada vez mais na cintura fina.

Ao longo do tempo, o papel do espartilho e sua visão na sociedade mudou fundamentalmente devido às mudanças nos padrões estéticos.

Fatos do Espartilho

Após a Revolução Francesa e a ascensão de Napoleão Bonaparte, a forma natural feminina passou a ser reconhecida e valorizada, condenando as mulheres pelo uso excessivo de espartilhos.

Na França, começou a ser visto como decadente pela sociedade, o fez mais curto, e depois quase desapareceu, então o chamado estilo neoclássico apareceu em tecidos fluidos e leves que quase extinguiram o espartilho.

Mas isso durou pouco, porque não demorou muito para que o padrão de beleza “cintura extremamente fina” estivesse de volta, e mais intenso.

Outros estilos de espartilhos mais flexíveis surgiram com mais pressão na cintura para atender as necessidades das mulheres que queriam a figura perfeita na época. Essa tendência continuou até o século XIX.

Espartilho de hoje

No início do século 20, depois que o sutiã foi inventado, ele parou de diminuir a cintura e se tornou o que conhecemos hoje como um acessório de moda de rua que, claro, também era o aliado da relação de quatro paredes.

Então vamos ao que realmente importa, certo?

 Como arrasar no dia a dia ou em momentos especiais com um espartilho? Veja nossas dicas:

Pode ser usado no dia a dia

O jeans é sem dúvida uma das peças mais práticas no dia a dia. Para evitar que o look fique pesado, combine-o com sandálias ou sapatos.

Aposte em detalhes coloridos em um corpete floral ou listras que complementam o look casual e são confortáveis ​​até no trabalho.

Espartilho como uma maravilhosa lingerie:

Objeto de desejo de muitos homens e mulheres, espartilho como lingerie te deixa mais linda e sexy nesse momento. Combine com ligas, meias, saltos e rendas.

Então você não precisa se preocupar em parecer vulgar, só você e seu parceiro verão e irão se divertir!

Calcinha: Meninas, lembrem-se: vocês querem valorizar o seu corpo, não é?

Procure sempre prestar atenção no tamanho da sua calcinha para ficar sempre bem confortável. Calcinhas com renda ou tanga dão um toque especial à roupa íntima:

  •  Sutiãs: Os bojos são sempre bem-vindos porque suportam bem os seios e dão-lhes um formato mais definido.
  • Modelos: Se você acha que se escolhe roupas íntimas apenas pela cor, ou pela estética, está bastante enganado.

O mais importante na hora de escolher é saber qual o modelo certo para o seu tipo de corpo, por isso separamos algumas dicas na hora de escolher um modelo que valorize seu corpo e estilo, destacando suas qualidades.

Você ainda pode dar mais atenção ao seu corpo e aumentar sua confiança de acordo com seu estilo com acessórios como: pulseiras, meia-calça, ligas, etc.

Preto e vermelho são uma das cores mais usadas e procuradas pelas mulheres, tanto para realçar o corpo quanto para aumentar sua sensualidade.

Complemente o seu look com um espartilho com detalhes coloridos e estampados.

Aposte em ligas com renda para um “up”.

Claro que as cores não são as regras, o que importa é que você se sinta confortável e encontre uma cor que combine com seu estilo e personalidade. Cores mais sóbrias ajudam a dar ao exterior uma aparência mais refinada.

Com todas essas dicas, fica mais fácil usar e arrasar em muitas combinações de espartilhos em diferentes ocasiões, não é mesmo?

Sobre The Sammyng

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.